O Herói e o Arquétipo da Cura

Quem é o Herói?

É representado por todas as pessoas que em nome da harmonia do campo de Consciência Familiar e coletivo, sente o chamado interior para resolvê-lo, e aceita vir para a missão chamada Terra, para vivenciar a experiência em nome do amor.

Então, ele sai da sua zona de conforto e vence seus medos e caminha em direção ao desconhecido.

Nasce, e caminha em direção a Auto realização.

… durante sua Jornada na Terra, encontra desafios, e também alguns mestres que lhe indicam o caminho, luta e vence os desafios externos e a si mesmo e retorna vitorioso ao ponto de partida, trazendo consigo os louros da vitória e o conhecimento para compartilhar com seus semelhantes.

A Auto realização é o objetivo de todo herói que se propõe a estar na Jornada.

Esse padrão está gravado em nossa psique, (Grande Mente) independente da cultura, pois faz parte das informações do inconsciente coletivo, ou seja, do campo de Consciência Unificado.

Portanto, o homem possui muitas coisas que nunca adquiriu, mas herdou dos antecedentes. Ou seja, o bebê não nasce com uma folha totalmente em branco. Ele já nasce com uma história previamente escrita, que são seus arquétipos pessoais (memória própria, de semente plantada) e os herdados dos seus pais e antepassados (memória ancestral).

Tudo que aconteceu no passado está registrado nesse campo: consciente, inconsciente individual e inconsciente coletivo.


O que te torna realmente quem você É são seus arquétipos. Ou seja, esses padrões que já nascem com você e muitos deles são herdados dos seus pais e ancestrais. Já nascemos com uma certa carga de Informação e essa carga influencia nossa maneira de pensar, agir, etc. Essas estruturas psíquicas são comuns a todos e nos influenciam desde sempre a respeito de como enxergamos e experienciamos o mundo.


Carl Gustav Jung 1875 – psiquiatra, foi quem observou e criou essa teoria que fala da relação entre os padrões dos antepassados e os descendentes (você aqui/agora). Ele já havia observado isso que eu observei inúmeras vezes acontecendo com meus clientes nesse nível profundo. Uma repetição dos padrões. As Informações da sua MENTE não são exclusivas e pessoal. Estamos todos, tentando equilibrar o passado.

Pela minha experiência de consultório, sempre sobra para os filhos, o peso dos erros dos pais.

Como assim?

Todos somos Consciência e toda ação gera uma reação. E essa reação necessita ser equilibrada por alguém desse campo de consciência e muitas vezes sobra para quem a gente mais ama, que são os filhos.

Quando uma pessoa infringe uma Lei da vida por exemplo, cairá no arquétipo da culpa mais cedo ou mais tarde, e sua frequência cairá por isso. Claro, inclusive quando descobrimos o quanto de mal causamos aos nossos próprios descendentes, surge mais culpa.


Quando a pessoa entra nessa vibração, comunga com todos que estão vibrando nesse padrão, e a sensação é ampliada. É uma bola de neve sem fim. Enquanto não acordarmos, continuamos em queda….

A Lei de Causa e Efeito é perfeita e tudo está honesto, por isso os arquétipos manifestam o conjunto de imagens de forma diferente para cada pessoa.

A Auto realização é o objetivo de toda personalidade, porém para que isso ocorra, depende do conhecimento do Si próprio, o Self.

A psique é a personalidade total do ser.

  • Consciente - tudo que você faz e tem consciência.

  • Inconsciente pessoal são conteúdos que não temos consciência, ou que foram reprimidos por não serem aceitos, ou por algum conflito.

  • Inconsciente coletivo o que é comum entre todos, e nos influenciam em nosso modo de pensar e lidar com nosso dia dia.

Esses padrões da psique estão interagindo um com o outro sempre. Por isso, na maioria das vezes não conseguimos ter controle das nossas ações, sentimentos, porque são pulsões fortes.

Existe uma interdependência entre essas estruturas, no sentido de que nós dependemos do bom funcionamento dela para o nosso bom funcionamento.

  • Mental,

  • Emocional,

  • Físico, e

  • Energético.

  • Quando essa estrutura psíquica perde a harmonia, todo o sistema fica comprometido. (inclui o coletivo).

A Auto realização é o objetivo de toda personalidade. De todo herói que se propôs trilhar o caminho. A auto realização do herói depende do conhecimento do próprio Self. Sua substância mais infinita e cósmica.

Self é o principal arquétipo do inconsciente coletivo. É através dele que você atrai tudo e todos que precisa… para inclusive organizar e harmonizar todos os demais arquétipos.

Quando o Espírito está tranquilo, calmo, sem pré-ocupação, está no presente, então o Self está em paz, o Self está cumprindo sua função.

Quando há algum erro ou problema, por menor que seja, a personalidade já desconectou do Self. Já perdeu esse orientador, essa bússola interna. O Ser já se encontra perdido no labirinto da própria mente. O Self já não está atuando de forma clara na vida da pessoa.

Então, na atual situação que nos encontramos, necessitamos inverter o processo:

Como?

Cultivar as atitudes internas. Ajudar, se interessar pelo outro, doar-se.

Não irmos atrás das coisas materiais, que está em decadência. E sim buscarmos a nossa substância interior, nossa essência… porque ela nos dará exatamente o que estivermos precisando.

Todas essas buscas pela matéria, estão baseadas no amor pessoal ou no apego. Já o coração misericordioso, conectado à Mente Universal e cósmica, todos os seres são amados igualmente, sem condições alguma, não tem preferência, não tem tendências, nem vícios.

Então podemos perceber que todo acontecimento é uma reação a alguma ação anterior que na maioria das vezes não lembramos. É conforme o que está oculto no nosso profundo inconsciente, pronto e amadurecido em nós e não na aparência. As limitações que estamos passando servem como estímulo para cada um de nós chegar nas condições ideais para nossa transformação. Estamos sendo estimulados em nosso lado imaterial, desconhecido da maioria.

Segue uma história para ilustrar.

****

História de Tumor de Rosto.

Ele nasceu na dinastia Tang.

Quando a mamãe estava grávida, sonhou que uma Lua entrar na barriga e ganhou esse neném.

...quando pequeno, esse neném ainda não fala, mas quando olha imagem de Buda, ou de Monge, ele fica alegre.

E quando está com 5 anos ele olha e fala: flor bonita, mas amanhã cairá e só sobrar galho, e quando vê já acabou tudo. Ele fala sobre as coisas bonitas que um dia vai acabar tudo.

É o coração dele, né… porque no passado ele já era um bom praticante, muita sinceridade. Já percebia isso.

E o pai dele se preocupa porque todos querem que seu filho estuda para passar na prova e trabalhar no exercito, e ficar no país, e fica feliz e rico. Todo mundo quer isso.

Mas ele aos 13 anos um mestre já vem e disse pra ele que ele pode ir visitar o templo que ficava ali perto.

E ele pediu para o papai e mamãe dele que queria ir aprender com aquele mestre.

O pai já entendeu que ele era um praticante, e não era um estudante comum. Por isso os pais deixam ele ir para o templo praticar.

E quando ele completa 15 anos, ele já estudou todos os sutras, e já é muito inteligente e já tem 10mil pessoas escutar ele falar., e todo mundo gosta.

Por isso quando o Imperador soube, pediu pra ele ir na prefeitura lá pra trabalhar.


E quando ele está indo atender o Imperador, um monge fica na calçada igual mendigo, pobre e tem um tumor muito feio, e muito machucado, e fica chorando e quando ele vê, sente misericórdia e ajuda ele limpar aquele tumor, coloca remédio pra ele ficar melhor. Mas na verdade esse era um Buda que se transformou naquele mendigo , e ele não soube.

E o mendigo disse: Você é um bom praticante. Se um dia você tiver algum problema, ou alguma calamidade, você vai lá na montanha dragão, lé tem 2 árvores, e você pode esperar lá.

Ele só escuta e foi embora., foi atender o Imperador, e servir ao país.

Todo mundo respeita muito ele, e agora sua vida é mais sagrado, porque agora ele é rico, tem nome, mas naquele momento, toda essa nova vida mexeu com seu coração.

Ele gosta daquela vida boa e esquece muita coisa que necessita concentração.


É!

Essa é uma prova grande.

Pessoa pobre pode passar por esta prova.

Pessoa rica pode passar por esta prova.

Quando tem nome, pode sentir orgulho. O Coração não fala, mas já percebe a diferença na vibração e no rosto…

Então aquele carma já entrou. Um tumor no joelho.

Começou com um ponto vermelho, e foi crescendo, até ficar com um formato de pessoa.

Já tem olho, sobrancelha, nariz, e boca.

Fica muito dolorido e ele tem vontade de suicidar de tanta dor.

E aquela cabeça ainda quer comer… e não quer comida simples e fica bravo e reclama. Porque hoje não tem carne???

E dói demais.

E tem que dar carne pra ele, porque ele pedi.

Seguiu todos os dia assim, quase morre. Sofre muito com muita dor.

E então ele lembrou daquele mendigo que falou quando ele tiver calamidade.

E foi la na montanha e esperou embaixo das 2 árvores. E aquele monge vem e disse pra ele para descer no rio e lavar o tumor.

...e na hora o tumor começa a falar:

Você se lembra?

Há mil anos trás eu era Tzauso e você era Enam. E você falou para o Imperador que eu queria atacar o país, e você me matou, mas não era verdade.

Eu segui você há mil anos.

Mas em 10 vidas de suas reencarnações todas você pratica o bem e sinceridade e eu não tive oportunidade pra receber de você, só agora que você tem nome e é rico e cresceu orgulho e desejo no coração, por isso eu tenho oportunidade de entrar e cobrar.

Quando ele vibra no orgulho, o carma pega ele.

E no segundo dia ele pode pegar água pra limpar, e dói muito, e na hora ele desmaia.

E quando ele acordou, o rio sumiu, o monge sumiu e o tumor também sumiu.

Reflexão:

O que se parece com um tumor na sua vida, que as vezes pode até ter um rosto, forma, aparência física? Qual é o seu desafio, que se parece com esse tumor que causa dor?

Observe que quando ele estava alinhado com a prática, mesmo que o carma visse ele, não conseguiria pegá-lo.

E então o carma alcançou-o, em forma de um tumor no joelho.



Comente, compartilhe!

Grata.


Olene Ferreira Vilela

(Arquétipos e Terapias Cognitivas)

Obrigada por compartilhar!!!

79 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Contato

Travessa Alice Pedroso Coelho, 133

Cotia - SP

E-mail: contato@arquetiposdajornadapessoal.com.br 

Tel: 11 96613-1780

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
Deixe  seus  dados  abaixo: 
Entraremos em contato!

© 2020 by Arquétipos da Jornada Pessoal. Todos os direitos reservados.